Curso MIDE PAIS 

Curso on-line versão híbrida:

  1.  Aulas gravadas - aluno assiste quando quiser;

  2. Debates programados com o professor (opcional / gratuito);

  3. Dinâmicas programadas com outros alunos (opcional / gratuito);

Família rezando

O que significa um "Curso Híbrido"?

As aulas estão gravadas, o aluno define o melhor dia e horário para assistir as aulas.

Uma vantagem imensurável poder assistir as aulas quantas vezes quiser e voltar uma fala quando necessário.

Sessão perguntas e respostas.

As aulas on-line serão reforçadas com debates / perguntas e respotas, ao vivo pelo Zoom, com o próprio professor para tirar dúvidas.

 

Logo após perguntas e respostas os participantes são divididos em grupos de quatro pessoas cada para debate sobre o tema e troca de experiências.

O propósito dos encontros ao vivo pelo Zoom:

1. Criar uma comunidade em torno do tema, possibilitando que os alunos posam dividir suas experiências com o conteúdo que está sendo ministrado;

2. Os alunos recebem perguntas para debaterem os temas das aulas; isso contribui para corrigir eventuais dúvidas e oferecer uma rodada de insights;

3. Fazer uma rodada de perguntas e respostas com Ivan Castro sobre eventuais dúvidas.

Calendário da turma 40-2020

Módulo 01:

Aulas já disponíveis;

Aula - perguntas e respostas - com Ivan castro:

19/09 das 14h30 às 15h30;

 

Dinâmica:

Grupos - 04 alunos por sala -

19/09 das 15h30 às17h30.

Módulo 02:

Aulas serão publicadas dia 13/09.

 

Aula - perguntas e respostas - com Ivan castro:

20/09 das 14h30 às 15h30;

 

Dinâmica:

Grupos - 04 alunos por sala -

20/09 das 15h30 às17h30.

Módulo 03:

Aulas serão publicadas dia 27/09.

 

Aula - perguntas e respostas - com Ivan castro:

04/10 das 14h30 às 15h30;

 

Dinâmica:

Grupos - 04 alunos por sala -

04/10 das 15h30 às17h30.

Módulo 04:

Aulas serão publicadas dia 11/10.

 

Aula - perguntas e respostas - com Ivan castro:

25/10 das 14h30 às 15h30;

 

Dinâmica:

Grupos - 04 alunos por sala -

25/10 das 15h30 às17h30.

Módulo 05:

Aulas serão publicadas dia 25/10.

 

Aula - perguntas e respostas - com Ivan castro:

15/11 das 14h30 às 15h30;

 

Dinâmica:

Grupos - 04 alunos por sala -

15/11 das 15h30 às17h30.

Investimento: R$1.800,00 em até 12 vezes.

Valor de lançamento até dia 13/09 - R$900,00 em até 12 vezes.

Almoço entre amigos

O que significa ASE

ASE é a sigla utilizada para aprendizagem socioemocional.
 
É o processo que tem sido frequentemente usado como um termo genérico para representar uma ampla gama de habilidades não acadêmicas pela qual crianças e adultos:
 
1.    Entendem e gerenciam emoções;
2.    Estabelecem e alcançam objetivos positivos;
3.    Sentem e mostram empatia pelos outros;
4.    Estabelecem e mantêm relacionamentos positivos;
5.    Tomam decisões responsáveis.

 

A ASE aumenta a capacidade das pessoas de integrar habilidades, atitudes e comportamentos para lidar, de maneira eficaz e ética, com as tarefas e os desafios diários.
 
Essas habilidades e competências se desenvolvem ao longo de nossas vidas e são essenciais para o sucesso na escola, no trabalho, no lar e na comunidade.

De um modo geral, esse conjunto de habilidades pode ser organizado em três áreas inter-relacionadas: cognitiva, social e emocional.
 
É importante ressaltar que essas habilidades e competências estão fundamentalmente ligadas às características dos ambientes, principalmente à família.

 

Família feliz na floresta

Os 5 pilares do curso MIDE PAIS

Existem cinco elementos – ou cinco chaves – nos relacionamentos que ajudam as crianças a crescer, aprender e prosperar. Eles são os que seguem.

1.    Expresse cuidado;
2.    Desafie o crescimento;
3.    Forneça suporte;
4.    Compartilhe o poder;
5.    Expanda possibilidades.

 

Relacionamentos que ajudam as crianças a prosperar

 

Às vezes, pensamos que a paternidade é mais um conjunto de estratégias e técnicas que usamos para moldar nossos filhos.
 
Mas - no fundo - ser pai ou mãe é principalmente sobre ter um relacionamento poderoso com uma criança que se torna adolescente e depois adulta.


Mas como são esses fortes relacionamentos familiares? 

O que podemos fazer em nossa família para ser intencional e proativo para garantir que nossos relacionamentos continuem positivos e poderosos à medida que nossos filhos cresçam e mudem?

Muitas pessoas podem ter esse tipo de "relacionamento de desenvolvimento" com crianças e jovens. 

Porém, mães, pais e outros adultos com parentesco têm relacionamentos centrais e poderosos que normalmente começam antes do parto e continuam por toda a vida.

 

O desafio e a oportunidade são trabalhar juntos para manter esses relacionamentos fortes, flexíveis e resilientes à medida que cada pessoa cresce e muda. 
Criamos o MIDE PAIS para ajudá-lo a fazer exatamente isso.


O que são relacionamentos de desenvolvimento?

 

Relações de desenvolvimento são conexões através das quais os jovens se tornam adultos melhores. 

Os relacionamentos entre adultos pais e filhos são relacionamentos de desenvolvimento particularmente poderosos - embora muitos outros relacionamentos sejam importantes e poderosos também.

Muitos pais dizem que expressam cuidado, desafiam o crescimento e prestam apoio aos filhos. É menos provável que digam que compartilham poder e expandem possibilidades. E sua família?

Por que os relacionamentos de desenvolvimento são importantes?

Os pais que têm um relacionamento mais forte com os filhos são mais propensos a dizer que os filhos de 3 a 13 anos:

•    Assumem responsabilidade pessoal por suas ações;
•    São motivados a aprender;
•    Gerenciam bem suas emoções;
•    Experimentam menos problemas comportamentais;
•    Ajudam outras pessoas;
•    São esperançosos e têm senso de propósito.

 

maes e filhas.jpg

Expresse cuidado

O pior conselho para os pais que já ouvimos é este: quando crianças fazem algo errado, precisam ser punidas.
Em lugar de ser punidas, elas devem receber explicações.
 
Então, quando violarem uma regra, é preciso dizer a elas o significado da sua ação.


As crianças são grandes pensadores sistêmicos, donos de habilidade nata que perdemos com a educação que recebemos em casa e na escola.

Assim, entendem perfeitamente a lei de causa e efeito, sendo muito mais propensas a refletir sobre o impacto final de seu comportamento nos outros.


Isso significa que, quando puderem ajudar outras pessoas, serão muito mais propensas a avançar.

Assim, o melhor conselho para os pais é mostrar às crianças que elas são importantes e que outras pessoas confiam nelas.

Conteúdo programático:

1.    Conceitos essenciais da ASE;
2.    Competências socioemocionais;
3.    Os três macroambientes que formam a personalidade do seu filho;
4.    Como formamos a personalidade de nossos filhos;
5.    Como evitar desvios de caráter;
6.    Cadeia hereditária e a influência na formação da personalidade;
7.    Os cinco elementos que destroem a personalidade;
8.    Dominando o universo emocional: estresse, emoções, sentimentos, pensamentos e comportamento;

 

Tecnologia na escola

Desafie o crescimento

O crescimento desafiador se concentra nas maneiras pelas quais incentivamos, inspiramos ou influenciamos mutuamente a tentar coisas novas, assumir riscos, trabalhar em metas ou superar obstáculos e desafios.
 
Essas discussões podem ajudá-lo a pensar em como o crescimento desafiador funciona – ou não – em sua família.
Os relacionamentos são mais fortes quando os membros da família se desafiam para aprender e crescer.
 
Como seres humanos, "desafiar a nós mesmos e um ao outro faz parte da natureza humana".
Assumimos riscos e competimos. Gostamos de ser física e mentalmente estimulados.
 
O crescimento desafiador se concentra nas maneiras pelas quais as pessoas buscam trazer o melhor uma da outra. Todos nós precisamos de estímulos que nos levem a trabalhar duro para alcançar nossos objetivos.

Desafiamos nossos filhos a crescer empurrando-os para além do que é confortável, levantando perguntas e testando suas habilidades de maneiras exigentes, estimulantes e motivadoras. Assim, também os ajudamos a manter uma direção positiva, definindo limites apropriados.

Conteúdo programático:

1.    Teoria das múltiplas inteligências – todo filho é gênio em pelo menos uma das 9 inteligências;
2.    Desafiando o crescimento pelas múltiplas inteligências; 
3.    Desenvolvendo determinação, resiliência e paixão pelo aprender pelo “Flow”;
4.    Como entender o perfil motivacional do seu filho; 
5.    Como desenvolver o "Supercérebro" no seu filho;

 

Mãos_segurando_o_planeta_com_borboleta.j

Forneça suporte

Uma parte importante dos relacionamentos é fornecer apoio um ao outro no aprendizado e no crescimento.
 
Fazemos isso ajudando-nos a navegar em situações difíceis, construindo a confiança um do outro, advogando um pelo outro e estabelecendo limites um para o outro.


Todos precisam de outras pessoas para ajudá-los. 

Quando somos crianças, dependemos dos pais ou de outros adultos cuidadosos para nos alimentar, nos banhar e cuidar de nós de todas as maneiras.
 
À medida que crescemos, nossas necessidades de suporte mudam, mas elas não desaparecem.
Grande parte do trabalho da família é o de ajudar um ao outro quando necessário.
 
É mais provável que cresçamos e realizemos nossos objetivos quando sabemos que as pessoas da nossa família estão disponíveis para nos apoiar, ajudando-nos a lidar com situações difíceis, nos capacitando (em vez de assumir por nós), advogando por nós e estabelecendo limites que nos mantêm na direção certa.

Conteúdo programático:

1.    Ética na educação;
2.    Aprenda a escutar seu filho – os 3 níveis da escuta;
3.    Estabeleça o tipo de empatia adequado para cada momento – As três empatias;
4.    Aprenda como corrigir sem destruir a autoestima;
5.    Oito passos para controlar o emocional;
6.    Ressignificando a felicidade;
7.    Idades e estágios – abordando os universos intelectual, emocional, físico, social e espiritual de crianças, jovens e adolescentes. 

      i)    De 0 a 2 anos – construindo de conexões;
      ii)    De 3 a 5 anos – expandindo seu universo;
     iii)    De 6 a 9 anos – desenvolvendo competências;
     iv)    De 10 a 14 anos – descobrindo-se como jovens adolescentes;
      v)    De 14 a 18 anos – preparando-se para a vida adulta.

 

Professor e alunos na aula de ciências

Expanda possibilidades

Relações de desenvolvimento são conexões por meio das quais as crianças podem manifestar o máximo de suas potencialidades no decorrer da infância e da adolescência.
 
Os relacionamentos entre pais e filhos são de desenvolvimento particularmente poderoso – embora muitos outros relacionamentos sejam importantes e também poderosos.

Desde o nascimento, contamos um com o outro para nos mostrar o mundo além do que já sabemos.
 
Pessoas nos ensinam a andar, conversar, ler e cuidar de nós mesmos.
Por meio de nossos relacionamentos, aprendemos a respeitar, desfrutar e amar as pessoas, mesmo que diferentes de nós.
 
Também por meio dos relacionamentos ampliamos horizontes e descobrimos coisas sobre nós mesmos e o mundo que despertam nossa curiosidade e paixão, trazendo satisfação, alegria e prazer ao longo de nossas vidas.

“Expandir possibilidades” se concentra em como ajudamos uns aos outros a aprender e crescer, conectando-nos a pessoas, ideias, experiências e lugares de maneiras que nos ajudam a crescer e expandir nossos mundos, para que cada pessoa possa ser e se tornar o melhor de si.

Conteúdo programático:

1.    4ª revolução industrial e o currículo 4.0;
2.    As 7 alavancas de Harvard para trabalhar a mente do seu filho;
3.    Desenvolvendo competências duráveis;
4.    Habilidades do século XXI;
5.    Desenvolvendo as 5 mentes do futuro;

 

Pai e filha tomando café da manhã

Compartilhe o poder

Em uma pesquisa realizada com quase mil adultos, foi solicitado a pais adultos que refletissem sobre seu relacionamento com os filhos.


 Muitos pais disseram que expressam cuidado, desafiam o crescimento e prestam apoio aos filhos.

Apenas 16% dos pais responderam que compartilham poder e expandem possibilidades. Ali está o ponto de alavancagem que torna a internet tão poderosa.


Os pais que não estiverem dispostos a compartilhar o poder e expandir as possibilidades verão os filhos fazer isso por conta própria, correndo um risco elevadíssimo. 

Quem será a referência encontrada do outro lado da tela?

Algumas pessoas ficam surpresas ao analisar o "compartilhamento do poder" como recurso central dos relacionamentos entre pais e filhos.


No entanto, as maneiras pelas quais as famílias lidam com as lutas pelo poder estão no coração das crianças que se tornam responsáveis, como os conflitos são resolvidos e a qualidade geral de nossos relacionamentos.

No fundo, “compartilhar poder” destaca as maneiras pelas quais influenciamos, aprendemos e trabalhamos juntos por meio de nossos relacionamentos. Desafiadora é a forma como o compartilhamento do poder muda constantemente à medida que as crianças crescem.

É emocionante descobrir coisas novas sobre nós mesmos quando compartilhamos poder e aprendemos um com o outro. Trabalhar juntos para manter esses relacionamentos fortes, flexíveis e resistentes à medida que cada pessoa cresce e muda mostra-se desafiador e oportuno.

 

O método MIDE foi desenvolvido para ajudá-lo a fortalecer os relacionamentos em sua família, principalmente entre pais e filhos. 

Os pais millenium – aqueles que tiveram filhos a partir de 1990 – se perderam nesse processo. A internet levou o mundo para dentro de casa. Como referência, em 1990, a informação no mundo iria dobrar em uma década. Hoje, segundo estimativas feitas pela Universidade de Harvard, dobra a cada 48 horas.
Começava, silenciosamente, a 4ª Revolução Industrial.


Conteúdo programático:

1.    Construa círculos virtuosos;
2.    Desconstrua círculos viciosos;
3.    Construindo a matriz de valor da família;
4.    Estabeleça objetivos de família juntos;
5.    Estratégias para prevenir o uso de álcool e tabaco;
6.    Gerenciar bem o dinheir
o.
 

Endereço: SMPW quadra 16, conjunto 04 - Parkway -

Brasília / DF - Brasil.

CEP 71.741-604